05 dicas de qual lápis utilizar no desenho

A arte de desenhar faz parte da vida muitas pessoas, algumas impressionam com tamanha habilidade e talento para reproduzir paisagens, objetos, animais, e pessoas que se aproximam tanto da realidade a ponto de nos deixar boquiabertos. Mas além do talento natural e de muito treino do desenhista é importante também saber quais os materiais certos para cada coisa no desenho. O lápis, para sombra, contornos, para desenhos geométricos, de rostos, etc… as opções são bem variadas e de extrema importância na hora de desenhar. Um desenho feito com o grafite errado pode comprometer os trabalhos até mesmo daqueles que já possuem um dor artístico nas veias. Então se você está pensando em mergulhar no fantástico mundo dos desenhos, fique de olho nessas 5 dicas de qual lápis utilizar no desenho, que com certeza serão de muita utilidade na hora de você mostrar seus dotes artísticos.

qual lápis utilizar no desenho

1- Entenda a nomenclatura dos lápis

Antes de definir qual lápis utilizar no desenho é preciso entender as siglas deles e o que elas indicam. Os lápis grafite são divididos em 3 categorias, que são:

  • Grafite Duro (H): 8H, 7H, 6H, 5H, 4H, 3H, 2H, H
  • Grafite médio (HB): HB, F, B, 2B, 3B, 4B, 5B
  • Grafite Macio (B): 6B, 7B, 8B, 9B

A letra B, vem de blackness, negritude, a H de Hard, dureza, o F vem fine, ou seja ponta fina e o HB é a mistura entre blackness e hard que caracteriza um lápis mais comum para escrita. A numeração define o nível de intensidade, ou seja quanto maior a numeração de um grafite B por exemplo, mais macio e escuro ele será.

2- Lápis H

Os lápis H são mais duros e claros, por isso são bons para serem utilizados na hora de desenhar os esboços. Ele é muito indicado para quem está começando a desenhar pois é ótimo para corrigir erros no desenho, já que por ser mais claro, não deixa marcar ou borrado na hora de corrigir. Os lápis H também podem ser utilizados para produzir sombreados mais claros e para desenhar superfícies mais firmes como rochas, pedras e paredes.

3-Lápis HB

O lápis HB é um dos mais comuns e é muito utilizado para fazer desenhos técnicos e também para escrever. Por ser um intermediário que não é nem muito duro, nem muito macio, eles possuem uma possibilidade de uso bem ampla, podendo ser inclusive em alguns casos, ser utilizado no desenho completo.

4-Lápis B

Os lápis da categoria B são mais macios e mais escuros, então o que conta como diferença na hora de definir a função de cada um é a intensidade da maciez e negritude do grafite. Os lápis B e 2B são mais utilizados para esboços, já os 3B e 4B são muito usados para definir meio tom, como aplicar efeito de textura ou de cabelos e pelos e por fim os 5B, 6B, 7B, 8B e 9B são os mais usados para dar o efeito de sombras mais escuras no desenho. O 4B e o 6B também podem ser utilizados para definir o esboço que foi feito anteriormente com o lápis claro.

5-Lápis F

Por possuírem ponta fina os lápis F são bons para desenhos geométricos e também para contornos.

Antes de adquirir seus lápis é importante ter em mente com qual tipo de desenho você quer trabalhar. O ideal é montar um kit variado que possua todos esses tipos de variações, pois isso irá permitir maior liberdade para escolher como e com o que trabalhar, e aos poucos descobrir com os quais você se adapta melhor. Sabendo qual lápis utilizar no desenho, certamente você terá melhores traços e um ótimo resultado final.

Quer saber mais sobre o assunto? Clique na imagem abaixo, lá existe um vídeo com uma dica bem legal para você.

Ebook - O Segredo de Como Ganhar Dinheiro Como Desenhista

Marcos Jordão

Marcos Jordão

Tenho como Hobby o Desenho, e depois de muito estudo resolvi compartilhar tudo que aprendi para ajudar a você também melhorar como você desenha.

Website: http://www.dicascomodesenharbem.com.br/contato/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *